Aviso


AVISO




Depois de quatro anos com muitas notícias do mundo latino, o Mescla Cultural fecha as suas portas. O blog não será mais atualizado, mas seu conteúdo permanecerá online. Aos leitores, meu muito obrigada por todos esses anos!





Marcadores: , ,

Beto Cuevas grava música com Leire, do La Oreja


Beto Cuevas, o ex-vocalista do La Ley, estreia primeiro single de seu novo album, "Transformacion". A canção se chama "goodbye" e tem participação de Leire Martinez, a vocalista do La Oreja de Van gogh.

Além da espanhola, o álbum conta com a
participação de Sharon Stone, O rapper Flo Rida e do filho do cantor, Diego Cuevas. O disco sai no dia 25 de setembro e é o segundo da carreira solo do chileno depois de 15 anos de La Ley.

Atualizado: 29/09/2012: o clipe oficial.

Marcadores: , , ,

Luis Fonsi e Juanes cantam "Hey Jude" em campanha


Luis Fonsi e Juanes e outros artistas participam do vídeo para conseguir apoio para o Saint Jude Children’s Hospital, que cuida de crianças com câncer. As crianças e os artistas que fazem parte do clipe cantam a clássica canção dos Beatles, "Hey Jude", que aqui foi batizada de "Hey St. Jude". Confira abaixo:  

Marcadores: ,

David Bisbal anuncia ano sabático


David Bisbal anunciou ontem no twitter que irá tirar um ano de descanso depois da turnê movimentada do álbum "Una noche en el Teatro Real" e de participar como jurado do La Voz Espanha. A pausa se inicia depois dos shows de Barcelona e Madrid, os últimos da turnê, ainda sem data confirmada.

Marcadores: ,

Belinda atrasa lançamento para fevereiro


O quarto disco de estúdio de Belinda deveria ser lançado esse mês. Deveria, porque a cantora e a EMI anunciaram essa semana que o lançamento de "Catarsis" foi adiado até fevereiro de 2013. O álbum ficará há sete meses de distância do lançamento do primeiro single, "En el amor hay que perdonar", divulgado em julho desse ano. 

Além do single, a parceria com Juan Malan, "Te voy a esperar", estourada principalmente na Espanha, está sendo nas rádios e divulgada por ser tema principal do filme "Las aventuras de Tadeo Jones" O álbum, gravado em Miami, conta com a produção de Víctor “El Nasi” (Wisin &Yandel), Joan Ortiz (Wisin & Yandel), Jorge Villamizar (Bacilos), Andrés Castro (Carlos Vives) o Vein (Pitbull, Leona Lewis).

Marcadores: ,

Dica do dia: Miss Caffeina


Eles já apareceram aqui uma vez, mas sabe como é, estão lançando segundo disco e eu gosto muito.O segundo disco não tem data confirmada, mas já tem um single, "Cabaret". "Imposibilidad del Fenómeno", o primeiro disco, foi lançado em 2010, cinco anos depois de o grupo ter sido criado.

Marcadores:

Confira: indicados para o Latin Grammy

Anunciaram hoje os indicados para o Latin Grammy, premiação que acontece no dia 15 de novembro. Juan Luis Guerra lidera a lista de indicados com seis indicações. Jesse y Joy seguem com cinco indicações. Juanes, Carla Morrison e Ricardo Arjona receberam quatro indicações cada um.
A cerimônia aconteceu nessa manhã em Las Vegas com a presença de Juanes, Shaila Durcal, Jesse y Joy e Reik entre outros artistas. Abaixo a lista das categorias principais. Vamos começar o bolão?

Álbum do Ano
Independiente — Ricardo Arjona
Un Pokito De Rocanrol — Bebe
Chico — Chico Buarque
Eso Es Lo Que Hay — ChocQuibTown
¿Con Quién Se Queda El Perro? — Jesse & Joy
MTV Unplugged — Juanes
Déjenme Llorar — Carla Morrison
Peligro — Reik
Dear Diz (Everyday I Think Of You) — Arturo Sandoval
Especial Ivete, Gil e Caetano — Caetano Veloso, Gilberto Gil & Ivete Sangalo

Gravação do Ano
"Fuiste Tú" — Ricardo Arjona con Gaby Moreno
"Calentura" — ChocQuibTown Featuring Tego Calderón & Zully Murillo
"Que Te Vaya Mal" — Kany García
"En El Cielo No Hay Hospital" — Juan Luis Guerra
"¡Corre!" — Jesse & Joy
"Azul Sabina" — Juanes Featuring Joaquín Sabina
"Hasta Que Te Conocí" — Maná
"Atrás da Porta" — Ivete Sangalo
"No Me Compares" — Alejandro Sanz
"Bésame Mucho" — Zoé

Canção do Ano
"Azul Sabina" — (Juanes Featuring Joaquín Sabina)
"¡Corre!" — (Jesse & Joy)
"Creo En Tí"  (Reik)
"Déjenme Llorar — (Carla Morrison)
"En El Cielo No Hay Hospital" — (Juan Luis Guerra)
"Estoy Hecho De Pedacitos De Ti" — Jose (Antonio Orozco Featuring Alejandro Fernández)
"Extranjero" — (Maria Gadú)
"Fuiste Tú" — (Ricardo Arjona con Gaby Moreno)
"Invisible" —  (Gian Marco)
"No Me Compares" — (Alejandro Sanz)

Melhor Artista Revelação
Gaby Amarantos
Deborah De Corral
Elain
Ulises Hadjis
Los Mesoneros
Juan Magán
Rosario Ortega
Piso 21
3BallMTY
Ana Victoria

CAMPO POP
Melhor Álbum Vocal Pop Contemporâneo
En Acústico — Pablo Alborán
Chambao — Chambao
¿Con Quién Se Queda El Perro? — Jesse & Joy
Bela y Sus Moskitas Muertas — Beatriz Luengo
Reconocer — Pamela Rodríguez

CAMPO URBANO
Melhor Álbum de Música Urbana
Otro Nivel De Música Reloaded — J. Álvarez
The Original Gallo Del País — Tego Calderón
The Most Powerful Rookie — Farruko
MT02 New Generation — Don Omar
La Bala — Ana Tijoux

CAMPO DE ROCK
Melhor Álbum Pop/Rock
Porfiado — El Cuarteto De Nos
Turista Del Amor — Jotdog
Diciembre — Leiva
Camino A Encontrarte — Los Claxons
La Cuenta Atrás — Vega

CAMPO ALTERNATIVO
Mehor Álbum de Música Alternativa
Mundo Anfibio — Lisandro Aristimuño
Eso Es Lo Que Hay — ChocQuibTown
Cosas Perdidas — Ulises Hadjis
Sueño De La Máquina — Kinky
Déjenme Llorar — Carla Morrison

CAMPO TROPICAL
Melhor Álbum de Salsa
Eba Say Ajá — Rubén Blades & Cheo Feliciano
Soy y Seré — Luis Enrique
Watch Out! ¡Ten Cuidado! — Mambo Legends Orchestra
Busco En Pueblo — Victor Manuelle
Mi Última Grabación — Tito Nieves

Melhor Álbum de Fusão Tropical
Afronauta — Caseroloops
Ilusión+ — Fonseca
Una y Otra Vez — Sergent Garcia
The King Of Dance — Juan Magán
Phase II — Prince Royce

Marcadores: , , , , , , , , ,

Draco Rosa reune time estelar em novo álbum


Draco Rosa lança "Vida" em novembro. O álbum é um recompilatório dos clássicos do músico em duetos. Participam do disco grandes artistas como Juan Luis Guerra, Ruben Blades, Enrique Bunbury, Shakira, Ricky Martin, Juanes, Marc Anthony, Rene Perez do Calle 13, Romeo Santos entre outros. O primeiro single ficou a cargo de Maná, que participa com uma das faixas mais conhecidas do porto-riquenho, "Penelope", que vocês ouvem ai embaixo:

Marcadores: ,

Moderatto estreia "Entrégate"


A banda piada que virou coisa séria chega ao sexto álbum de estúdio. O disco, ainda sem nome, começa a ser vendido no México no dia 30 de outubro. "Entrégate" é o primeiro single lançado, e já começou a ser vendido no Itunes.


Pra quem não conhece, O Moderatto nada mais é do que o Massacration mexicano que deu certo. Criado em 2001 por membros de outras bandas (como o Molotov e o Fobia) com o intuito de satirizar a caracterização do Rock (principalmente do Glam Metal e a estética "Tocamos rock mais usamos salto alto e mais maquiagem que sua mãe).

Marcadores: ,

Dica do dia: Napoleon Solo


Sempre me perco nesse ponto entre ser indie e ser pop. Tem bandas que eu percebo isso de cara, tem outras que eu analiso figurino (sim, não estou brincando), pose e outras dezenas de aspectos. Entrei nesse blablabla todo porque a primeira música que ouvi do Napoleon Solo era tão pop que só o pacote completo me contou que eles eram indies. Então ai vai uma música que não me deixou com dúvida, "Tiene que acabar":

Marcadores: ,

Fangoria lança álbum em fevereiro

A dupla espanhola anunciou que fecha o tour no dia 28 de outubro para gravar novo álbum. A dupla, formada por Alaska e Nacho Canut não lançava disco desde "Absolutamente", de 2009. O nome provisório do álbum é "¡Piernas, mujeres y cómicos para todos ustedes, simpático público!".

Marcadores: , , ,

Juanes e Romeo Santos podem estar em Viña 2013


Juanes e Romeo Santos, ex-aventura, foram sondados como atrações para o tradicional festival de Viña del mar, no ano que vem. A informação é do jornal chileno "La tercera" e não foi confirmado pela organização. o festival acontece em fevereiro do ano que vem e já tem confirmados Maná, Miguel Bosé, Daddy Yankee, 31 Minutos, Francisca Valenzuela, Jonas Brothers e Jorge González.

Marcadores: ,

Malú lança disco com duetos


E Malú é mais uma das estreias de novembro. A cantora lança disco com as melhores da sua carreira além de regravações especiais. Essas regravações, são os destaques do álbum, por seres duetos com artistas famosos. No total, serão quatro ou cinco canções e até o momento, o único confirmado é Aleks Syntek.

Ozomatli lança projeto infantil


Sai a música pesada e entra as canções infantis. A banda Ozomatli lança álbum especialmente para as crianças. Com 14 canções, "Ozokidz" traz temas educativos, bons modos e bom comportamento, com a sonoridade da banda de Los Angeles.

Marcadores: ,

Dica do dia: Delafe y las flores azules


Músicas que alegram, sabem como funciona? Estava em uma tarde jogada no sofá quando comecei a ouvir "Espirito Santo" e deu vontade de dançar. Virou uma dica naquela hora e agora está aqui. Formada em 2004 em Barcelona, a banda tem três discos e continua por ai itinerante. Com vocês,  Delafe y las flores azules.

 

Marcadores: ,

Gloria Trevi protagonizará novela no México


A cantora foi confirmada como protagonista da nova produção de Emílio Larrosa, "Vestida de azucar", ainda sem data de estreia confirmada. Ludwika Paleta deve ser a vilã da história. Não é a primeira vez que Gloria Trevi se arriscará na atuação, nos anos 1990 a mexicana estrelou "Zapatos viejos" e "Pelo suelto".

Marcadores: ,

Exclusiva: entrevista com Beto Cuevas


Beto Cuevas – músico, cantor, ator e designer gráfico chileno  

A música de habla hispana, não importa de qual país, abrange um vasto oceano de artistas latinos de qualidade e talento, mas apenas algumas dessas ondas vêm bater no Brasil. Desde o boom da TV a cabo até a internet e seu crescimento permanente, brasileiros vêm descobrindo bandas e cantores que ainda não exploraram o país, mesmo com muitos anos de estrada. Beto Cuevas, nascido em 12 de setembro de 1967, ex-vocalista da banda La Ley, é um perfeito exemplo do último caso. Chileno, residente em Los Angeles há dez anos, o artista é consagrado em seu país e demais nações hispânicas. Começou a trabalhar com desenho gráfico até que a música entrou em sua vida, ainda jovem. Mesmo com a dissolução da banda, após 16 anos de sucessos, seguiu carreira solo e lançou dois CDs – Miedo Escénico e, agora, Transformación. 

 O recém lançado single Quiero Creer tem parceria com o rapper Flo-Rida, que canta em inglês, imerso em uma base eletrônica, com “som dançante”, segundo opinou a Billboard. 

Renata Appel: Quem é Beto Cuevas? Apresente-se para os brasileiros amantes de música de qualidade...  

Beto Cuevas: Meu nome é Luis Alberto Cuevas Olmedo. O “Beto” ou “Betito” veio da infância – meus pais e irmãs me chamavam assim. Mas o “Betito” cresceu... E ele era um menino que, desde criança, sempre foi muito tímido, não gostava de sair para brincar na rua com as outras crianças; de repente, no colégio, me empurravam e me batiam. Mas eu tinha minha irmã mais velha que me defendia... Eu era muito tímido e tinha um mundo interno muito grande. Punha-me a desenhar e preferia ficar dentro de casa, desenhando durante três, quatro horas, ao invés de sair para jogar bola. Por que desenhava? Gostava da ideia de criar e adorava ver desenhos animados. Assistia e tratava de fazê-los igual. Então, desenvolvi esse talento. Sentia que tinha talento para desenhar e o desenvolvi – foi isso o que fiz. Cresci bem artista e, paralelamente a isso, meu pai adorava música. Ele tinha um quarto de música em sua casa, sempre, uma sala de música, como se fosse seu estúdio, onde tinha todos os seus vinis e escutava a todas as músicas antigas, desde Elvis, The Platters... Eu ficava escutando música com meu pai, cresci desenvolvendo o ouvido e gostava de cantar no chuveiro, de repente, para imitar a esses cantores... 

Renata Appel: É verdade, já vi em uma entrevista antiga sua que você usava uma escova de cabelo como microfone... 

Beto Cuevas: (risos) É verdade. E eu gostava de cantar no chuveiro... Então, quando cresci, fui adolescente, segui sendo desenhista, quis fazer Desenho e tudo isso, mas, paralelamente, nos anos 80, na época de The Smiths, Duran Duran, Bowie e todos esses artistas dos quais eu gostava, comprava seus discos, gravava-os, colocava o microfone e gravava em um K7, o lado direito – porque no stereo, no lado direito, saía minha voz –, então saía eu cantando essas canções com eles.. Até que conheci Mauricio (Clavería), baterista do La Ley. Aconteceu de duas formas – é uma história bastante mágica: conheci Mauricio, e ele comentou para os integrantes do La Ley que tinha um primo, que havia chegado do Canadá – dizia “um primo” (risos) – e que canta muito bem e se apresenta super bem, então deveriam testá-lo. Por outro lado, o tecladista disse “sim, meu irmão também me contou que conheceu um pessoal junto com um rapaz do Canadá, em uma praia, cantando canções de Elvis – vou chamá-lo também” – e essas duas pessoas eram eu... Ou seja: foi o destino. Conheci-os, me passaram um pouco da música, me disseram para cantar, me passaram orientações, que se eu quisesse criar, mudar uma melodia, fazer qualquer coisa... carta aberta! E assim o fiz! E o guitarrista e fundador do La Ley me perguntava – Andrés Bobe, que faleceu (em um acidente), em 94 – “você, alguma vez, já escreveu canções?" Eu dizia “sim”, e era mentira. Mas a verdade é que eu sabia que poderia fazê-lo. 

Renata Appel: E aí quantos anos com La Ley e depois como foi na carreira solo? 

Beto Cuevas: Foi de 1989 a 2005 – estivemos juntos por 16 anos. Mas tampouco quer dizer que La Ley acabou. Somente dissemos “vamos dar um tempo e fazer o que queremos”. 

Renata Appel: Depois de La Ley, quanto tempo foi o hiato sem gravar outro disco? 

Beto Cuevas: Dois anos. Toda minha vida foi sair em turnê, durante 16 anos. Então aí fiquei três anos em casa e construí um estúdio de gravação que eu mesmo gerenciava. Por exemplo: na cabine de gravar vozes eu tinha os teclados, então podia gravar eu mesmo, dentro de casa... Comecei a fazer música, compor e fazer projetos. Voltei, lancei um disco com minha companhia e saí a tocar pelos Estados Unidos, México, Chile, Argentina. Depois disso, passou-se um tempo e voltei com meu segundo disco solo. 

Renata Appel: E por que não o Brasil também? 

Beto Cuevas: Porque vale à pena esperar pelo melhor... Quero trabalhar nisso sim. Envolve algumas questões de selo discográfico, mas eu vou ir ao Brasil, você vai ver que sim. Sempre tive muita vontade de fazê-lo. Mas, na realidade, é que, discograficamente, sempre nos diziam que era um mercado diferente, e houve sempre uma espécie de barreira até o Brasil. 

Renata Appel: Você tem planos de vir ao Brasil também com este novo disco? Ou virá com o próximo?

Beto Cuevas: Sim! Vou com este CD atual, que lanço oficialmente no final de setembro deste ano.

Direto de Los Angeles por Renata Appel (renata@consumidorrs.com.br)

Marcadores: , ,

Maná anuncia quatro shows no Brasil


A banda mexicana volta ao país para quatro apresentações em outubro e novembro com a sua turnê "Drama y Luz". As apresentações acontecem no Rio, no Citibank Hall (23/10), em São Paulo, no Credicard Hall (26/10), em Belo Horizonte, no Chevrolet Hall (28/10) e em Porto Alegre, no Pepsi on Stage (1º de novembro).

Os ingressos começam a ser vendidos na próxima terça-feira (11/09) para Belo Horizonte e Porto Alegre pelo site da Ticket For Fun (ticketsforfun.com.br). No Rio e São Paulo, as vendas também começam no mesmo dia, mas serão exclusivas para clientes dos cartões Citi, Credicard e Diners até o dia 17 de setembro. Os preços dos ingressos inteiros variam entre R$180 e R$ 400 (Rio), R$ 80 e R$ 450 (SP), R$ 160 a R$ 200 (BH) e R$ 140 a R$ 200 (Porto Alegre).

Marcadores:

Pablo Alborán lança disco novo em novembro


Pablo Alborán foi a sensação do ano na Espanha e por esse motivo, já está de volta com disco novo que sai em novembro. Ainda não foi divulgado maiores informações sobre o àlbum, mas na semana passada surgiu um vídeo de fãs cantando o single "Tanto". Nessa semana, saiu a versão oficial com Pablo, que deve começar a tocar nas rádios no dia 11/09. Para conferir, é só dar o play:

Marcadores: ,

Jorge Villamizar lança disco solo

O eterno ex-vocalista do Bacilos lançou a canção "Todo Lo Que Quieres Es Bailar", single do novo álbum solo do colombiano ainda sem data de lançamento confirmada. A música tem parceria do cubano Descemer Bueno e traz de volta a sonoridade tropical do Bacilos. 

Esse será o segundo disco solo do cantor. O primeiro foi lançado em 2008 e nesse meio tempo, Villamizar participou do projeto "Álex, Jorge y Lena", com Alex Ubago e Lena Burke. A banda continua ativa apesar do álbum do colombiano.

Marcadores: , ,

Old but gold: "Nada"

Nem é tão old assim, mas existe algo que me atrai muito nessa versão de "Nada" do Zoé com o Enrique Bunbury. Talvez seja essa vibe "like a boss" do Bunbury com o chapéu de cowboy no início do clipe ou talvez seja só minha fanzisse pelo Heroes del silencio, não importa. Pra quem nunca viu, também existe a versão unplugged com o espanhol, mas gosto mais dessa. Vamos ao clipe:


Marcadores: ,

Melendi lança novo disco em novembro

O espanhol lança o novo álbum, "Lagrimas sofridas", em novembro. O single de mesmo nome será lançado no dia 11 de setembro nas rádios e no Itunes. Esse é o sexto disco de Melendi e será lançado quase dois anos após "Volvamos a empezar".

Atualizando 15/09/2012: a música foi divulgada.

Marcadores: , ,

ex-timbiriches se reunem em novo "primera fila"

Sasha Sokol, Benny Ibarra e Erik Rubín se reuniram para gravar o seu Primera fila. O resultado só sairá em novembro, mas o primeiro single, "Cada beso" (que vocês ouvem ai embaixo), acaba de ser liberado. O projeto contará com um CD + DVD com 13 faixas, com músicas inéditas, sucessos dos cantores (na carreira solo, nada de timbiriche) e covers de outras bandas.


Para quem não sabe, esse é um conceito de gravação ao vivo e acústica, como o já famoso Unpluggued, gravado por diversos artistas como Thalia, Vicente Fernandes e Franco de vita.

Marcadores: ,

Camila anuncia separação temporária


A banda Camila anunciou separação temporária para que Mario Domm, Pablo Hurtado e Samo Parra toquem seus projetos pessoais. A pausa vem depois de sete anos intensos para o grupo, com dois discos lançados e diversos singles no topo das paradas.

Samo afirmou em entrevistas que a pausa pode durar não só alguns meses mas até anos e que essa decisão será tomada futuramente por ele, Mario e Pablo a partir dos resultados dos projetos pessoais de cada um.

Marcadores: ,

Dica do dia: La Bien Querida

Fazia tempo que não dava uma dica, mas ai vai: "La bien querida". Ana Fernández-Villaverde assumiu esse nome artístico para alimentar sua vontade de música e arte. Abaixo, "De momento abril".