Aviso


AVISO




Depois de quatro anos com muitas notícias do mundo latino, o Mescla Cultural fecha as suas portas. O blog não será mais atualizado, mas seu conteúdo permanecerá online. Aos leitores, meu muito obrigada por todos esses anos!





Marcadores: ,

Sobre o incêndio na minha querida UFRJ...

Há três anos atrás eu achava que nada ia dar certo na minha vida. Desde muito tempo eu sabia que tinha que fazer comunicação. Certeza que vinha do fundo do peito e nunca soube exatamente de onde surgiu. Estava desmotivada, todos os meus amigos passaram no vestibular enquanto eu fiquei relegada a ser bolsista de faculdade particular.


Nunca consegui vestir a camisa daquele lugar. Bem no fundo eu clamava pelo reconhecimento de uma UFRJ. Prestei vestibular meio de brincadeira, achando que o destino podia me surpreender de algum modo. Passei no ano seguinte. Lembro de nem ao menos procurar meu nome nos aprovados porque achava mesmo que teria o destino do ano anterior.

Eu fiquei eufórica e fui recebido de braços abertos em um lugar que virou minha casa nos últimos dois anos: A Escola de Comunicação. Não vou tentar explicar o sentimento. Como todos dizem, quem viveu aquilo sabe bem como se sente. É a euforia de um time de futebol, é se identificar com uma coisa, é achar uma identidade que você nem sabia que existia. E é por isso que meu coração dói hoje.

O nosso campus sofreu um grande baque. Podemos ter feito piadas idiotas achando que não era nada demais. Mas era. Nossa casa, o Palácio universitário perdeu um pouco de sua história que hoje foi levada pelo fogo.

O peito aperta, é uma afeição que ninguém sabe dar o nome, mas que todos os que pisaram um dia naquele lugar conhecem muito bem. Estou escrevendo no calor do momento. Não sei se tenho aula amanhã (o que é bem possível) nem no resto da semana (mais possível ainda), só sei que a vontade que eu tenho é de correr e saber o quão profanado está o lugar que eu tanto amo.

São anos que sempre guardarei na minha vida e anos que pretendo ainda passar na praia vermelha. Vai começar a briga politica, mas estejam preparados, nunca vamos sentir o amor que temos pelo palácio por aquela ilha perdida no meio do nada chamada Fundão.

0 comentários:

Postar um comentário